Aconteceu ontem (30) na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP),uma homenagem proposta pelos deputados e Delegado Jacovós, Delegado Fernando e Delegado Recalcatti em comemoração aos 166 anos da Polícia Civil do Paraná. O evento contou com a presença da cúpula da Polícia Civil do Estado, de delegados subdivisionais e divisionais, da orquestra da Polícia Militar, de autoridades ligadas à segurança pública, do Secretário de Defesa Social de Curitiba, Guilherme Rangel e outros deputados.

O Deputado Delegado Jacovós presidiu a sessão e junto com os demais propositores,fez a entrega de homenagens aos delegados presentes e ao coronel Marinho como forma de agradecimento pelos trabalhos prestados ao Paraná. Presentes no evento, o coronel Marinho, Secretário da Segurança Pública e Silvio Jacob Rockembach fizeram discursos de agradecimento e enfatizaram a união e competência da PCPR .

“São 166 anos de um trabalho de excelência, porém de pouco reconhecimento de governantes anteriores. Precisamos avançar politicamente em muitos aspectos e darmos o devido reconhecimento a esses guerreiros que não têm dia, nem hora e trabalham muito além do que o devido pela ordem e pela segurança de todos. O mínimo que tenho a dizer aos presentes em nome de todos os paranaenses é muito obrigado”, enfatizou Jacovós.

Os deputados que prestigiaram a homenagem à Polícia Civil do Paraná foram Alexandre Amaro, Coronel Lee, Delegado Francischini, Doutor Batista, Hussein Bakri, Soldado Adriano José e Soldado Fruet.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Via Assessoria

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSARANDI – Escola municipal Darcy Mochi sofre com morcegos .
Próximo artigoSARANDI – Deputado Aliel Machado anuncia a entrega de 5 motos para guarda municipal.
“A Nação Brasileira está sendo dessangrada. Escolas caindo aos pedaços. Hospitais apodrecendo. Nosso povo morrendo de fome. Um grande esforço deve ser feito, neste momento, em prol da unidade e da salvação nacional. É hora de unir, não de desunir. Vamos nos unir, todos nós, cidadãos comuns da nossa terra, que estivemos até agora observando a História. Vamos, nós mesmos, fazer a nossa História. Vamos unir, portanto, rua com rua, bairro com bairro, cidade com cidade, estado com estado, todos falando a mesma língua, a língua de uma grande nação, próspera e rica, que será a maior nação do mundo no século XXI. É preciso mudar toda a concepção política atual, a fim de que se possa revigorar, fortalecer, engrandecer e salvar nossa Pátria.” D.Henriques Colunista e Blogueiro